21 24733084


Bordeaux

Passe o mouse e veja mais detalhes

795 - Pessac-Léognan Le Clémentin de Pape Clément 2010. 2ème de Pape Clément. RP 92.

R$598,00

795 – Pessac Léognan Le Clémentin de Pape Clément
Safra: 2010
Produtor: Château Pape Clément. Bernard Magrez. 
Castas: Cabernet Sauvignon 55%, Merlot 45 %
Avaliação: RP 92, WS 90-93, 
Grau alcóolico: 14 % Vol.

Nestes tempos de Real desvalorizado e impostos exorbitantes os Crus classés de Bordeaux estão cada vez mais inacessíveis.

Selecionamos vários segundos vinhos de castelos prestigiosos, quase todos das grandíssimas safras 2009 e 2010, eles permitirão ao amador frustrado desfrutar do estilo inimitável desta região sem se arruinar.

Bernard Magrez, é proprietário de mais de 40 vinhedos, em Bordeaux, em outras regiões francesas, no Chile, no Japão e nos Estados Unidos. O navio almirante deste império é o Château Pape Clément, Grand Cru classé de Graves, agraciado em 2010 com a nota máxima, RP 100, o Santo Graal dos viticultores bordaleses.

O Clémentin nesta safra excepcional mereceu também notas lisonjeadoras e comentários entusiastas:

RP 92: O Clémentin 2010 é o melhor segundo vinho que eu jamais provei do Pape Clément. Considerando suas altas qualidades próprias não se deve pensar nele como sendo uma seleção inferior. Cor purpurina densa, com notas de ervas defumadas, frutas azuis e pretas, creolina e canfora, este vinho é melhor que a maioria dos Pape Clément produzidos nos anos 80 e 90. Beber agora e por mais 10 – 15 anos.

WS 90 - 93: Escuro e vinhoso com cassis macerados, notas de figo e uma sensação que envolve a língua em sabores de betuma e de café expresso. Permanece fresco apesar de sua potencia e concentração com um final longo e prazeroso carregado de frutas pretas.